As melhores cenas de 2010

O emocionante final de Toy Story 3.

Existe alguém que não se emocionou com o desfecho de Toy Story 3? Encerrando com precisão a história dos brinquedos de Andy, a cena toca o espectador, lembrando sobre como abandonar uma fase de nossas vidas pode ser doloroso. A sentimental composição So Long, de Randy Newman, só ajuda a melhorar ainda mais toda a emoção presente nessa sequência.


O incrível plano-sequência de O Segredo dos Seus Olhos.

É até estranho ver uma cena tão ambiciosa como essas em um filme que não tem pretensões grandiosas no setor técnico como O Segredo dos Seus Olhos. No entanto, é uma enorme satisfação ver uma sequência impecável como essa, que foi elaborada de forma genial. O diretor Juan José Campanella mostra que evoluiu muito como diretor.

A impressionante luta sem gravidade de A Origem.

Quando pensei que Christopher Nolan não pudesse me surpreender mais em A Origem, eis que ele vem com essa cena de luta sensacional. Extremamente original e beirando a perfeição, a sequência é de um brilhantismo único porque une ação e inovação. A trilha de Hans Zimmer, junto com a impressionante direção de Nolan, formam um dos momentos mais incríveis desse filme.

A narração inicial de Direito de Amar.

O que falar de um filme que já me deixou impressionado logo nos primeiros minutos? Pois é, o vídeo acima ilustra muito bem o exato momento em que Direito de Amar conseguiu me conquistar por completo. A narração inicial, “becoming George” é melancólica e dolorosa. A fusão perfeita da trilha de Abel Korzeniowski, roteiro e atuação. Espetacular!

Comunicando-se com a família na Terra em Lunar.

Lunar já tinha alcançado a minha admiração como ficção, mas não esperava que o filme também fosse me atingir como drama. A sequência em que o protagonista consegue se comunicar, pela primeira vez, com a sua filha na Terra é de cortar o coração. Não é só Sam Rockwell que torna essa cena arrepiante, mas também a arrebatadora trilha de Clint Mansell.

O desfecho de Mary & Max – Uma Amizade Diferente.

Esse desfecho já seria melancólico para um filme comum, mas ficou ainda mais especial por se tratar de um desfecho muito coerente para essa adulta animação chamada Mary & Max – Uma Amizade Diferente. É aquele tipo de final bittersweet, que deixa o espectador ainda mais satisfeito por ter visto essa produção cheia de significados especiais.

Cantando Joni Mitchell no jantar em Minhas Mães e Meu Pai.

Não é novidade a minha relutância com a possibilidade de Annette Bening ser premiada por Minhas Mães e Meu Pai. Ela está ótima no filme, mas, volto a repetir, só merece reconhecimento se Julianne Moore estiver ao seu lado. De qualquer forma, é com muita sutileza e encanto que ela tem, na cena ilustrada acima, o seu melhor momento no longa. Um momento inspirado de um filme óbvio.

O surpreendente final de Lembranças.

Podem falar mal de Lembranças (um dos filmes mais decentes da carreira de Robert Pattinson), mas aposto que todo mundo se surpreendeu com esse final, né? Tá certo que tudo acontece de forma meio gratuita, como se o roteirista tivesse inventado tudo só para chocar. Mas funcionou? Ah, funcionou! Desfecho impecável para esse bom filme.

Marion Cotillard canta My Husband Makes Movies em Nine.

O vídeo acima tem mais de uma cena, mas só a primeira deve ser considerada: aquela em que Marion Cotillard canta My Husband Makes Movies. Esnobada pelas premiações, a francesa é o coração do decepcionante Nine e ilumina o filme toda vez que aparece. Mas, nesse número em particular, ela consegue todas as atenções ao cantar com pura melancolia.

A cena final de A Enseada.

A composição Dolphins & Ric, de J. Ralph, já poderia ser o suficiente para tornar a última cena de A Enseada em algo digno de atenção. Mas o documentário foi além e reservou um de seus melhores momentos para os últimos minutos. Denúncia e qualidade cinematográfica não faltam nesse ótimo desfecho – e no filme inteiro.

7 comentários em “As melhores cenas de 2010

  1. Leandro, é verdade, eu não gostei de “Minhas Mães e Meu Pai” e “Nine”, mas é impossível não destacar essas cenas!

    Reinaldo, eu gostei de “Lembranças” e não acho o filme muito problemático… O único problema, claro, continua sendo Robert Pattinson. Eu não sei se um dia ele vai conseguir ser bom ator…

    Yuri, eu acho “Lembranças” um filme meio injustiçado. Não sei o porquê da implicância com ele…

    Kahlil, essa cena é de cortar o coração!

    Stella, vale a pena assistir “A Enseada”, é um ótimo filme.

    Rafael, até agora não vi “Mother”, mas é porque não curto o cinema oriental… =/

  2. Ah, essa cena no estádio de O Segredo dos Seus Olhos é espetacular. Para mim é a melhor. A dancinha desajeitada da mãe em Mother também é demais. O final de Toy Story 3 emociona mesmo.

  3. Muito gostosa sua seleção, Matheus! Ainda não assisti ao documentário “A Enseada” e “Minhas Mães e Meu Pai”, mas todas as cenas dos outros filmes me deixaram boas lembranças.

    Um Feliz Ano Novo para você, e boas novidades nas telas e locadoras para todos nós!

  4. Da lista só não vi “Moon” e “The Cove”, com a exceção de “Lembranças”, todas as outras cenas são, sem dúvida, memoráveis não só em 2010 como pelos próximos anos. Destacaria Toy Story 3 e Mary e Max, que a princípio animações voltadas para público infantil, emocionam demais. Além, claro, de Inception, Segredo dos seus olhos, Direito de Amar…. enfim, uma lista excelente!

  5. Ótimas lembranças Matheus. Só não colocaria aí o final de Lembranças. Na minha avaliação, surpreendeu sim, mas não funcionou não. Como falei à época do lançamento do filme, um subterfúgio narrativo para agregar grandeza a um filme raso e disfarçar problemas narrativos mil.
    Abs

    PS: E para não dizer que é implicância com Mr.Pattinson, considerei Eclipse (tb deste ano), não só melhor da saga Crepúsculo, como o que Pattinson melhor se contém nas caretas…
    abs

  6. Olha que lista de respeito,legal que você escolheu duas cenas de filmes que você (assim como eu) não gostou muito,como a de Annette Benning e a de Marion Cotillard (e que também são minhas cenas preferidas dos respectivos filmes).
    Já sobre O Segredo de Seus Olhos,também gosto muitíssimo dessa cena e também entra num top 10 meu,mas eu incluo com total certeza a cena do interrogatório e a do elevador (uma das cenas mais tensas que já vi na minha vida),enfim gostei bastante de sua lista.
    Abraços

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: