Melhores de 2012 – Roteiro Adaptado

twelveadscreen

Conferi Precisamos Falar Sobre o Kevin antes de ler a obra original de Lionel Shriver. E a minha percepção da versão cinematográfica continuou a mesma após entrar em contato com o livro. Ainda que tenham abordagens bastante opostas (o texto de Shriver é mais movimento, enquanto o filme aposta no subjetivo), as duas obras, de certa forma, conseguem se complementar. Entretanto, comparações entre filmes e livros são apenas um bônus. O mais adequando é analisar um roteiro adaptado de forma isolada, dentro do que se propõe de forma independente para o campo audiovisual. E o roteiro da diretora Lynne Ramsay, em parceria com Rory Kinnear, consegue ser um intenso retrato de uma vida completamente devastada. No caso, a da sofrida Eva Khatchadourian (Tilda Swinton), cuja viagem ao inferno é devidamente desenvolvida pelo roteiro. Em cada detalhe e situação, somos levados para dentro da prisão emocional da protagonista. Algumas escolhas são polêmicas (a principal é o fato do jovem Kevin nunca ser humanizado, representando uma figura completamente unilateral), mas, como um todo, o resultado é um drama extremamente eficiente e, por muitas vezes, até mesmo desconfortável por ser tão franco e sufocante.

•••

OUTROS INDICADOS:

argoposter frankenweenieposter helenoposter wallflowerposter

O ótimo casamento entre objetividade e eficiência é uma das grandes marcas do roteiro de Argo / Adaptado do curta original de Tim Burton, o roteiro de Frankenweenie é cheio de referências e certeiro no senso de diversão / Da glória à decadência, a adaptação de José Henrique Fonseca, Felipe Bragança e Fernanda Castets para Heleno pontua muito bem a vida do jogador Heleno de Freitas / Escapando das insuportáveis armadilhas indies tão comuns em filmes sobre adolescentes, o roteiro de As Vantagens de Ser Invisível acerta com louvor em importantes escolhas.

EM ANOS ANTERIORES: 2011A Pele Que Habito | 2010 – Direito de Amar | 2009 – Dúvida | 2008 – Desejo e Reparação | 2007 – Notas Sobre Um Escândalo

_

Escolha do público:

1. As Vantagens de Ser Invisível (42.22%, 19 votos)

2. Argo ( 31.11%, 14 votos)

3. Precisamos Falar Sobre o Kevin (20%, 9 votos)

4. Heleno ( 6.67%, 3 votos)

5. Frankenweenie (0%, 0 votos)

4 comentários em “Melhores de 2012 – Roteiro Adaptado

  1. Nesta categoria, dei destaque para o maravilhoso “A Delicadeza do Amor”, um romance diferente de tudo o que já vi. Diante das suas indicações, o meu favorito também é “Precisamos Falar Sobre o Kevin”. Acredito que o livro, que tinha um modo bem particular para contar sua história, foi adaptado adequadamente para o cinema. Gosto também da escolha de usar as imagens para narrar aquilo que não está necessariamente sendo falado. Excelente.

  2. Kamila, mas sei que sou um estranho no ninho: ainda estou para achar alguém que ache “Frankenweenie” tão divertido como eu achei!

    Stella, o roteiro de “Argo” é ótimo, mas a história de “Precisamos Falar Sobre o Kevin” faz muito mais o meu estilo!

  3. Dos seus indicados, não assisti a “Heleno” e “Frankenweenie”. Acho legal, inclusive, você indicar uma animação aqui, especialmente se tratando do fato de que esse gênero não foi dos mais inspirados em 2012. Meu voto de vencedor, no entanto, discorda do seu. A minha escolha seria “Argo”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: