Melhores de 2012 – Direção

twelvedirecting

Amado e odiado, Holy Motors bebe da melhor fonte de recepção para qualquer obra: a falta de indiferença. Ninguém assiste ao filme de Leos Carax sem comentá-lo fervorosamente, seja para o bem ou para o mal. Ponto, então, para o diretor Leos Carax, que, assim, fugiu completamente da normalidade. Ousado e completamente original, ele leva o espectador para um verdadeiro delírio, desafiando-os a participar dessa mais do que inusitada experiência. Dos personagens interpretados pelo monsieur Oscar (Dnnis Lavant) aos gêneros mais variados (o filme tem direito até a um belíssimo momento musical com a cantora pop Kylie Minogue), Holy Motors é suscetível a várias interpretações – e todas elas são válidas. Em suma, Carax apresenta uma direção de personalidade forte, com objetivos bem claros na relação filme x espectador e que nunca deixa de surpreender. Não é todo dia que vemos um trabalho tão fortemente autoral e ainda assim fascinante.

•••

OUTROS INDICADOS:

argoposter warriorposter aboutkevinposter skyfallposter

Conseguindo se superar a cada filme, Ben Affleck tem em Argo o melhor trabalho de direção de sua carreira / Com Guerreiro, Gavin O’Connor mostra que é possível emocionar e tirar o fôlego com tramas essencialmente convencionais e até mesmo clichês / Lynne Ramsay imprime intensidade e estilo ao difícil mundo familiar de Precisamos Falar Sobre o Kevin / Se Sam Mendes não parecia uma decisão das mais atraentes para 007 – Operação Skyfall, logo ele colocou a teoria abaixo realizando nada menos que um dos melhores filmes da franquia.

EM ANOS ANTERIORES: 2011 – Darren Aronofsky (Cisne Negro) | 2010 – Christopher Nolan (A Origem| 2009 – Danny Boyle (Quem Quer Ser Um Milionário?| 2008 – Paul Thomas Anderson (Sangue Negro| 2007 – Alejandro González Iñárritu (Babel)

_

ESCOLHA DO PÚBLICO:

1. Leos Carax, por Holy Motors (33.33%, 12 votos)

2. Lynne Ramsay, por Precisamos Falar Sobre o Kevin (22.22%, 8 votos)

3. Ben Affleck, por Argo (16.67%, 6 votos)

4. Sam Mendes, por 007 – Operação Skyfall (16.67%, 6 votos)

5. Gavin O’Connor, por Guerreiro (11.11%, 4 votos)

5 comentários em “Melhores de 2012 – Direção

  1. Pingback: Melhores de 2013 – Direção | Cinema e Argumento

  2. Kamila, não recomendo “Holy Motors” (é um filme super maluco!), mas acho que vale a pena dar uma chance. Quem gosta, ama o filme. Como disse no texto, não tem meio termo!

    Stella, e é uma pena que Sam Mendes não retornará para a série =/

    Clóvis, bom encontrar alguém que também valoriza o trabalho da Lynne Ramsay! Ela comandou muito bem o filme!

  3. Dos seus indicados, não assisti justamente ao vencedor. Os outros trabalhos selecionados por você são todos muito competentes e merecedores da indicação. Fico na dúvida entre Ben Affleck e Lynne Ramsay, mas como eu gosto um pouquinho mais de “Argo” do que “Kevin”, voto no Affleck.

  4. Que difícil, Matheus! Todos ótimos trabalhos de direção. Não vi ainda o “Holy Motors”, e fiquei com o “Skyfall”, porque Sam Mendes ressuscitou a série 007 quando já parecia que daí não saía mais nada, depois de “Quantum of Solace”.

  5. Não assisti “Holy Motors”, então, meu voto para vencedor iria para Gavin O’Connor, que fez o meu filme favorito do ano passado. Apesar disso, os outros três indicados da lista (Affleck, Ramsay e Mendes) fizeram também trabalhos muito respeitáveis!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: