Adeus, 2014! (e as melhores cenas do ano)

Novamente, a meta para 2015 é desacelerar. Dias atrás, li uma entrevista de Bryan Cranston onde ele diz que, hoje, pensamos que os nossos bens mais valiosos são trabalho e dinheiro, mas que, na realidade, o bem mais valioso da vida é o tempo. Entre tantas coisas que só exaltam como ele é um cara genial, Cranston diz que deveríamos pensar e agir mais como os europeus, que tiram férias e fazem o que amam. Realmente, hoje estar na correria é sinônimo de status. Se não estamos cansados, na “correria” ou sem tempo, parece que algo está errado. Percebo, na minha volta, um grande movimento em direção a essa preocupante perspectiva – e eu me incluo nisso.

Assim, nesse cotidiano tão movimentado, perco aquele que, como diz Cranston, é o nosso bem mais valioso. Na falta de tempo, não vejo tantos filmes quanto gostaria, não escrevo tanto quanto quero ou muito menos – e esse é o meu maior pecado – fico em dia com a pilha de livros que tenho na minha cabeceira. O ano de 2014 foi exatamente assim – de novo – para mim. Mas que fique essa inspiração para 2015: a de aproveitar mais a vida, correr no parque, andar de bicicleta, ler um pouco antes de dormir (sem cair no sono), de ir ao cinema sem ter que decidir de última hora porque vagou um espaço na agenda e de aproveitar mais o que as relações pessoais podem nos trazer.

Seguindo a linha de desacelerar, este ano me despeço de 2014 um pouco mais cedo aqui no blog. Abaixo, vocês encontram a minha tradicional lista de melhores cenas do ano (a de categoria por categoria fica para daqui algumas semanas). Até os primeiros dias de 2015, tiro um tempo de férias para, justamente, aproveitar tudo isso que escrevi anteriormente. No mais, agradeço a cada um de vocês, leitores, pela companhia neste ano que passou. Sem vocês este espaço não existiria. Muito em breve nos encontramos para continuar falando sobre cinema.

herfinal

A carta de Theodore (Joaquin Phoenix) para Catherine (Rooney Mara) em Ela

frozenfinal

Elsa (Idina Menzel) inaugura uma nova vida cantando “Let it Go” em Frozen

nymphofinal

A visita da sra. H (Uma Thurman) em Ninfomaníaca – Parte 1

alabamafinal

A última apresentação de Elise (Veerle Baetens) e Didier (Johan Heldenbergh) com “If I Needed You” em Alabama Monroe

maisiefinal

Susanna (Julianne Moore) se despede da filha em Pelos Olhos de Maisie

nebraskafinal

A visita ao cemitério em Nebraska

praiaf

A narração final de Praia do Futuro

llewynf

A gravação de “Please, Mr. Kennedy” em Inside Llewyn Davis – Balada de Um Homem Comum

lobof

O destino de Clarinha em O Lobo Atrás da Porta

relatosf

Qualquer cena envolvendo o casamento de Relatos Selvagens

7 comentários em “Adeus, 2014! (e as melhores cenas do ano)

  1. Não sei se desacelerar é minha meta para 2015. Na realidade, venho num processo gradativo de reorganizar as minhas prioridades e de passar a valorizar aquilo e as pessoas que realmente me fazem bem. Pretendo continuar fazendo isso e manter meu processo de dedicação e foco rumo ao que eu mais quero: minha estabilidade profissional. É isso que me falta e que eu espero conseguir no próximo ano.

    No mais, comentando o seu post e as grandes cenas de 2014, pra mim, a cena do ano é “Let it Go”!

  2. Minha meta para 2015 é reorganizar minha vida e fazer coisas que possam me fazer bem. E minha cena favorita é a de “Let it Go” também.

    Desejo à você um 2015 cinematográfico e de muitas conquistas. ;)

  3. Senti a mesma necessidade que você, Matheus, desacelerar. E, como escreveu a Cinéfila por Natureza, priorizar. Ver filmes demais acaba até atrapalhando o registro dos favoritos. Feliz 2015!

  4. Já a minha meta pra 2015 é acelerar um pouco, pois achei 2014 um tanto apático, apesar das boas conquistas que obtive esse ano. Pretendo assistir mais filmes, de preferência os grandes clássicos, algo que fiquei devendo bastante em 2014. Da sua seleção minha cena favorita é de “Frozen”. Pra mim, essa cena já é icônica.

    Desejo-te uma ótima virada de ano, Matheus! E um 2015 repleto de conquistas e excelentes filmes!

  5. Kamila, 2014 foi um ano bem tumultuado para mim. Foram muitas tarefas, responsabilidades e decisões a serem tomadas rápido demais, sem muito tempo para pensar. Com isso, perdi várias coisas no caminho… Por isso minha meta é desacelerar em 2015! Bom ano pra nós!

    Chris, ainda não conferi “Mommy” =/

    Mayara, feliz 2015 para você também!!

    Stella, estou sendo cada vez mais seletivo em relação aos filmes que assisto. Com isso, tenho me livrado de muitas bombas. E só tenho a agradecer haha

    Clóvis, também estou em grande dívida com filmes mais antigos… Preciso recuperar isso urgentemente!

    Brenno, não foi um ano de grandes cenas, mas estas realmente se destacam!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: