Oscar 2015: quem serão os indicados?

oscar

Hora de brincar novamente de apostas. A temporada de premiações está aí e o calendário não dá trégua. Amanhã, é dia de finalmente conhecer os indicados ao Oscar 2015. Este ano a disputa parece mais previsível e morna do que o habitual (se é que isso é possível), mas nunca vale subestimar o prêmio, que frequentemente reserva pelo menos algumas surpresas nas categorias principais. A briga pela liderança de indicações deve ficar entre BirdmanO Grande Hotel Budapeste, com leve vantagem do segundo, que tem a seu favor uma técnica simplesmente excepcional. Abaixo, nossas apostas nas categorias principais e breves comentários!

MELHOR FILME
Birdman
Boyhood: Da Infância à Juventude
Foxcatcher – Uma História Que Chocou o Mundo
Garota Exemplar
O Grande Hotel Budapeste
O Jogo da Imitação
A Teoria de Tudo
Whiplash – Em Busca da Perfeição

FIQUE DE OLHO EM: Sniper Americano. É Clint Eastwood, indicado ao DGA. Ponto. No mais, é sempre um mistério o número de filmes que serão indicados. Desde que se abriu a possibilidade para 10 indicados, somente nove chegaram à disputa. Pela matemática, creio que os oito listados acima são os que têm reais possibilidades de chegaram à disputa, com menores possibilidades para SelmaCaminhos da FlorestaLivre.

MELHOR DIREÇÃO
Alejandro González-Iñárritu (Birdman)
Damien Chazelle (Whiplash – Em Busca da Perfeição)
James Marsh (A Teoria de Tudo)
Richard Linklater (Boyhood: Da Infância à Juventude)
Wes Anderson (O Grande Hotel Budapeste)

FIQUE DE OLHO EM: Clint Eastwood (Sniper Americano). Nunca subestime o poder do veterano, que ontem chegou entre os finalistas do DGA e é um querido da Academia (no ano de Cartas Para Iwo Jima só o Oscar o indicou a melhor filme). De qualquer forma, é nesta categoria que devem se concentrar as maiores surpresas, dado os excelentes trabalhos e a infinidade de estilos apresentados no ano que passou. Também é uma categoria tumultuada por si só (quem não lembra de Ben Affleck e Kathryn Bigelow sendo esnobados em 2013?). Não levo tanta fé na indicação de Wes Anderson, que me parece um diretor com carreira alternativa demais, mas a matemática está toda a seu favor. Damien Chazelle é o novato do ano que comanda um filme altamente elogiado (ele foi lembrado na categoria de direção no BAFTA) e, se os votantes realmente abraçarem A Teoria de Tudo, ainda rola uma indicação para James Marsh – que já tem em casa um Oscar de documentário por O Equilibrista.

MELHOR ATRIZ
Amy Adams (Grandes Olhos)
Felicity Jones (A Teoria de Tudo)
Julianne Moore (Para Sempre Alice)
Reese Witherspoon (Livre)
Rosamund Pike (Garota Exemplar)

FIQUE DE OLHO EM: Jennifer Aniston (Cake – Uma Razão Para Viver). Não incluí a atriz na lista porque além de já ter sido esnobada anos atrás com Por Um Sentido na Vida, ainda tem muitos preconceitos para quebrar: é atriz de comédia vinda da TV que nunca conseguiu firmar carreira no cinema, atuando basicamente em comédias que variam da indiferença ao mau gosto. Além disso, nos últimos dois anos, duas atrizes indicadas a todos os prêmios (Helen Mirren por Hitchcock e Emma Thompson por Walt nos Bastidores de Mary Poppins) não chegaram à corrida do Oscar, e Aniston é a que mais tem chances de repetir o “feito”. Sem falar que é zona de conforto indicar Amy Adams. Minha torcida fica (de novo) com a injustiçada Marion Cotillard por Era Uma Vez em Nova York ou Dois Dias, Uma Noite (muito mais pelo segundo).

MELHOR ATOR
Bradley Cooper (Sniper Americano)
Benedict Cumberbatch (O Jogo da Imitação)
Eddie Redmayne (A Teoria de Tudo)
Jake Gyllenhaal (O Abutre)
Michael Keaton (Birdman)

FIQUE DE OLHO EM: Ralph Fiennes (O Grande Hotel Budapeste). Vibraria horrores se Fiennes fosse lembrado, já que está em um dos melhores momentos de sua carreira. Mas é papel cômico e a jornada desse gênero em indicações a prêmios não é fácil. Ao mesmo tempo, parece irresistível não indicar Bradley Cooper, estrela em redenção e aceitação que está na cabeça dos votantes há dois anos (O Lado Bom da Vida e Trapaça), sem falar que protagoniza um filme de Clint Eastwood. Fora Cooper e Fiennes, todos os outros são apostas certas, com Steve Carell, ao meu ver, sendo transferido para os coadjuvantes como fez certeiramente o BAFTA.

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
Emma Stone (Birdman)
Jessica Chastain (O Ano Mais Violento)
Keira Knightley (O Jogo da Imitação)
Meryl Streep (Caminhos da Floresta)
Patricia Arquette (Boyhood: Da Infância à Juventude)

FIQUE DE OLHO EM : Laura Dern (Livre). Das categorias de interpretação, é a que parece a mais fechada. A dúvida é se Meryl Streep realmente será lembrada por um papel que normalmente não estaria listado aqui caso não tivesse a assinatura de uma veterana como ela. Se ficar de fora, é possível que Laura Dern seja lembrada por Livre. Antes das primeiras listas saírem, ela era cotada por seu ótimo desempenho no filme, mas foi solenemente esquecida. Ainda vale lembrar que esse é um filme de Jean-Marc Vallé, que ano passado chegou aos indicados de melhor filme com Clube de Compras Dallas, além de ter Reese Witherspoon já concorrendo como protagonista.

MELHOR ATOR COADJUVANTE
Edward Norton (Birdman)
Ethan Hawke (Boyhood: Da Infância à Juventude)
J.K. Simmons (Whiplash – Em Busca da Perfeição)
Mark Ruffalo (Foxcatcher – Uma História Que Chocou o Mundo)
Steve Carell (Foxcatcher – Uma História Que Chocou o Mundo)

FIQUE DE OLHO EM: Robert Duvall (O Juiz). Nunca levei fé na indicação de Duvall e, se Carell realmente for lembrado aqui e não entre os protagonistas, ele é certamente o nome que ficará de fora. A matemática indica a sua lembrança, mas acho muito mais fácil Carell merecidamente chegar entre os coadjuvantes por seu ótimo desempenho em Foxcatcher. Uma vidada como essa já aconteceu anos atrás com Kate Winslet, celebrada como coadjuvante por O Leitor mas vencedora do Oscar como protagonista. Se Selma ainda tiver alguma vida na disputa, também vale ficarmos atentos ao veterano Tom Wilkinson.

MELHOR ROTEIRO ORIGINAL
O Abutre
Birdman
Boyhood: Da Infância à Juventude
Foxcatcher – Uma História Que Chocou o Mundo
O Grande Hotel Budapeste

FIQUE DE OLHO EM: Selma. Com Whiplash sendo considerado adaptado pelo Oscar, é bastante possível que Foxcatcher, lembrado pelo WGA, consiga chegar aqui. Todos os outros são praticamente apostas certas, formando uma disputa interessante de acompanhar. Novamente, se Selma sobreviver, também é uma opção aqui.

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO
Garota Exemplar
O Jogo da Imitação
Sniper Americano
A Teoria de Tudo
Whiplash – Em Busca da Perfeição

FIQUE DE OLHO EM: Livre. Não há muito o que duvidar dessa lista, mas um bom filme motivacional sempre pode ganhar o coração dos votantes.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: