Melhores de 2014 – Figurino

costumebudapest

A brilhante figurinista italiana Milena Canonero ganhou o seu quarto Oscar pelo trabalho que realizou em O Grande Hotel Budapeste. Entre os maiores méritos da carreira da veterana está o de criar não apenas figurinos grandiosamente elaborados como os de Maria Antonieta, mas também outros discretamente eficientes, a exemplo de Entre Dois Amores e agora no mais recente filme de Wes Anderson. Em sua terceira colaboração com o diretor, a figurinista é sutil sem perder a elegância, realizando um trabalho impecável na principal lógica de um bom guarda-roupa no cinema: a de que ele deve transmitir com fidelidade a personalidade e o espírito de seus personagens. Basta olhar para os trajes bem alinhados e justos de Gustave que refletem toda sua disciplina por vezes excessiva. Quando precisa ser extravagante, Canonero também o faz com perfeição, como nas roupas que Tilda Swinton usa como a excêntrica Madame D. Tudo na medida em um trabalho impressionante até para os mais desatentos. Ainda disputavam esta categoria: 12 Anos de EscravidãoAmantes EternosMalévolaTrapaça.

EM ANOS ANTERIORES: 2013 – Anna Karenina | 2012 W.E. – O Romance do Século | 2011 – O Discurso do Rei | 2010 – A Jovem Rainha Victoria | 2009 – O Curioso Caso de Benjamin Button | 2008 – Elizabeth – A Era de Ouro | 2007 – Maria Antonieta

2 comentários em “Melhores de 2014 – Figurino

  1. A escolha de “O Grande Hotel Budapeste” nesta categoria é incontestável.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: