Quem serão os indicados ao Oscar 2017?

theoscars

É amanhã, a partir das 11h10 (horário de Brasília), que conheceremos os indicados ao Oscar 2017. A própria página oficial da Academia no Facebook (@TheAcademy) fará uma tramissão ao vivo do anúncio para ninguém ficar de fora. Enquanto isso, o Cinema e Argumento dá seus palpites para as categorias principais do prêmio. Confiram abaixo!

MELHOR FILME
Até o Último Homem
A Chegada
Estrelas Além do Tempo

La La Land: Cantando Estações
Um Limite Entre Nós
Lion: Uma Jornada Para Casa
Manchester à Beira-Mar
Moonlight: Sob a Luz do Luar
A Qualquer Custo

O que pode acontecer: Martin Scorsese surgir de última hora com Silêncio ou o Oscar realmente comprar a proposta de Animais Noturnos. Em um cenário ainda mais surpreendente, é possível até Deadpool chegar entre os finalistas, visto sua indicação aos sindicados de produtores e roteiristas. Com a possibilidade de até dez indicados fica difícil prever (vai entender como Carol não chegou lá ano passado!), mas é mais ou menos por aí…

MELHOR DIREÇÃO
Barry Jenkins (Moonlight: Sob a Luz do Luar)
Damien Chazelle (La La Land: Cantando Estações)
David Mackenzie (A Qualquer Custo)
Garth Davis (Lion: Uma Jornada Para Casa)
Kenneth Lonergan (Manchester à Beira-Mar)

O que pode acontecer: Denis Villeneuve realmente vingar com A Chegada. Mas, como sempre, subestimo a capacidade do Oscar de inovar e deixo Villeneuve de fora para arriscar em direções mais tradicionais do ponto de vista temático: David Mackenzie, que comanda uma mistura de drama, crime e western familiar em uma fazenda do Texas, e Garth Davis, responsável por um drama familiar sobre um garoto que decide ir atrás da família que o perdeu 25 anos atrás.

MELHOR ATRIZ
Amy Adams (A Chegada)
Emma Stone (La La Land: Cantando Estações)
Isabelle Huppert (Elle)
Meryl Streep (Florence: Quem é Essa Mulher?)
Natalie Portman (Jackie)

O que pode acontecer: Meryl Streep ficar de fora para entrar Emily Blunt (A Garota no Trem). Difícil saber até que ponto o Oscar So White do ano passado afetou os votantes (se conscientizou a Academia, pode surgir Ruth Negga com Loving), mas, pelas contas de outros prêmios, Emily Blunt está na frente como uma possível surpresa. Pena que por um filme tão ruim (e por uma indicação atrasada que deveria ter vindo por Sicario: Terra de Ninguém). Ainda assim, é improvável Meryl ficar de fora, principalmente depois do discurso no Globo de Ouro, que foi decisivo para a atriz se firmar em visibilidade entre as cinco finalistas.

MELHOR ATOR
Andrew Garfield (Até o Último Homem)
Casey Affleck (Manchester à Beira-Mar)
Denzel Washington (Um Limite Entre Nós)
Ryan Gosling (La La Land: Cantando Estações)
Viggo Mortensen (Capitão Fantástico)

O que pode acontecer: Viggo Mortensen ou Ryan Gosling não emplacarem. Ambos foram lembrados em todos os grandes prêmios até aqui, mas é importante lembrar: Viggo tem um papel contido demais em comparação ao que o Oscar normalmente costuma reconhecer e Ryan tem a maldição de homens em musicais para quebrar (recentemente, Richard Gere não emplacou indicação por Chicago, assim como Ewan McGregor por Moulin Rouge!). O que beneficia ambos é o fato da disputa não estar acirrada, abrindo margem apenas para Joel Edgerton ser lembrado por Loving ou, mais remotamente, para Tom Hanks dar a volta por cima no Oscar com Sully: O Herói do Rio Hudson.

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
Michelle Williams (Manchester à Beira-Mar)
Naomie Harris (Moonlight: Sob a Luz do Luar)
Nicole Kidman (Lion: Uma Jornada Para Casa)
Octavia Spencer (Estrelas Além do Tempo)
Viola Davis (Um Limite Entre Nós)

O que pode acontecer: quase nada, visto que essa é a categoria aparentemente mais fechada entre as quatro de atuação. A seleção acima se repetiu basicamente em todas as listas divulgadas até aqui, o que deixa as cinco candidatas consolidadas na disputa. Em uma jogada de azar, chutaria como surpresa Nicole Kidman sendo novamente esquecida (lembram do ano de Obsessão?) para que Janelle Monáe entre aos 45 de segundo tempo. Lembrando que Monáe está em dois filmes que figuram nas bolsas de apostas: Estrelas Além do TempoMoonlight: Sob a Luz do Luar e que sua inclusão pode fazer algo histórico (colocar quatro atrizes negras concorrendo em uma mesma categoria). Ou seja, resta, novamente, saber até que ponto o Oscar So White surtiu efeito.

MELHOR ATOR COADJUVANTE
Aaron Taylor Johnson (Animais Noturnos)
Dev Patel (Lion: Uma Jornada Para Casa)
Jeff Bridges (A Qualquer Custo)
Lucas Hedges (Manchester à Beira-Mar)
Mahershala Ali (Moonlight: Sob a Luz do Luar)

O que pode acontecer: o Oscar realmente comprar a farsa que é Hugh Grant ser considerado coadjuvante por Florence: Quem é Essa Mulher? Mesmo que o desempenho do ator seja surpreendente na comédia dirigida por Stephen Frears, nada justifica a fraude. Indicado a todos os prêmios, Grant pode repetir o efeito Daniel Brühl em 2014, quando o ator alemão, após uma carreira figurando em todas as listas da temporada, não chegou ao Oscar de coadjuvante por Rush  – No Limite da Emoção (ele também era protagonista em seu respectivo filme). E não vamos subestimar Aaron Taylor-Johnson, que ganhou um Globo de Ouro e, na semana seguinte, uma indicação ao BAFTA. A lembrança nesse segundo prêmio é particularmente sintomática, já que a academia britânica escolheu seus indicados antes do GG revelar seus vencedores.

MELHOR ROTEIRO ORIGINAL
Capitão Fantástico
La La Land: Cantando Estações
Manchester à Beira-Mar
A Qualquer Custo
O Lagosta

O que pode acontecer: algumas surpresas, visto que a categoria de roteiro adaptado está muito mais acirrada do que a de original. Ainda assim, o ano parece de poucas alternativas até mesmo entre roteiros, o que pode ser reflexo do bom nível dos favoritos. Entre os originais, deixo de lado Jackie (que perdeu até o suposto fôlego que tinha para dar um segundo Oscar para Natalie Portman) para apostar em O Lagosta. A Academia costuma reservar uma ou mais vagas entre os roteiros para produções alternativas, então fica aí esse palpite.

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO
Animais Noturnos
A Chegada
Um Limite Entre Nós
Lion: Uma Jornada Para Casa

Moonlight: Sob a Luz do Luar

O que pode acontecer: uma substituição de Animais Noturnos por Estrelas Além do Tempo (representando a ala de escolhas mais tradicionais), Silêncio (se o filme de Martin Scorsese finalemente conseguir nascer nessa temporada) ou até mesmo Deadpool (que surpreendentemente foi indicado ao Writers Guild of America). O filme de Tom Ford é um verdadeiro mistério: enquanto o Globo de Ouro e, principalmente, o BAFTA caíram de amores pela história, o SAG não deu importância alguma – e isso é estranho, já que o ponto mais forte de Animais Noturnos é justamente o elenco. Fora isso, a categoria dá indícios de já estar fechada. 

Um comentário em “Quem serão os indicados ao Oscar 2017?

  1. Suas apostas foram bem certeiras. Na realidade, algumas categorias realmente não prometiam surpresas. Após o anúncio dos indicados, particularmente, fiquei muito triste pela Amy Adams, que merecia uma indicação ao Oscar de Melhor Atriz pela linda atuação em “A Chegada”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: