Comentando os indicados ao Emmy 2017

Westworld lidera a lista de indicados ao Emmy 2017, divulgada hoje em Los Angeles. Cerimônia de premiação acontecerá no dia 17 de setembro.

Breves pitacos sobre os indicados ao Emmy 2017:

– A quantidade de indicados precisa ser revista urgentemente. Tudo bem que a produção de séries vive um grande momento, mas praticamente todas as categorias principais chegarem a quase sete indicados parece diluir a relevância de uma indicação. Nesse sentido, sou bastante tradicional: voto pelos cinco nomes por categoria!

– Westworld realmente veio para compensar a ausência de Game of Thrones, que não pôde concorrer por ainda não ter exibido os episódios da nova temporada. Tem indicação por todos os cantos, especialmente nas interpretações: Anthony Hopkins, Evan Rachel Wood, Thandie Newton, Jeffrey Wright… Manteve a tradição da HBO de conseguir sempre colocar pelo menos uma série por ano na categoria principal desde A Família Soprano.

– Modern Family é uma série simpática que se repete infinitamente, mas não vou ficar reforçando o quanto seu tempo já passou, e sim lamentar o fato de ela ainda concorrer após sete temporada quando Transparent, um primor de direção, roteiro e elenco, não figura mais na categoria de melhor série de comédia mesmo com sete indicadas. Também não recebeu uma indicação sequer a roteiro e direção. Pelo menos tiveram o bom senso de continuar lembrando de Jeffrey Tambor e Judith Light (ela em seu momento mais iluminado), além de terem acordado para vida ao conceder uma indicação para a grande Kathryn Hahn, uma das atrizes mais interessantes e subestimadas do elenco.

– O gigante sucesso de crítica não foi o suficiente para o Emmy finalmente reconhecer todo o brilhantismo de The Leftovers. A série, que exibiu sua temporada final este ano, conseguiu uma merecida indicação de atriz convidada para a sempre ótima Ann Dowd, mas merecia muito mais: uma seleção digna indicaria, no mínimo, boa parte do elenco. Claramente é uma série que vai ganhar o reconhecimento mais importante de todos: o do tempo.

– Ainda entre as ausências, é um absurdo o total esquecimento da belíssima The Young Pope, outro grande evento da televisão em 2017. A única explicação plausível é realmente não terem visto a minissérie, que tem elenco formidável (é crime ver Jude Law de fora por esse que é o melhor desempenho de sua carreira!) e técnica irrepreensível. Sem falar que o texto é potente do ponto de vista emocional e temático.

– Já pontuei muitas vezes que não me entusiasmo nadinha com Big Little Lies. Sei que sou um estranho no ninho, e por isso não reclamo muito das indicações da minissérie (pelo contrário, até vibro com a lembrança de Laura Dern como coadjuvante). Agora, o que não dá para engolir é Alexander Skarsgard concorrendo como coadjuvante. E a culpa nem é do ator: seu personagem é tão unidimensional, rasteiro e desinteressante que ele nem tinha muito o que fazer ali. No mais, há de se questionar a indicação para Shailene Woodley, que entrou na turma dos golpes e submeteu sua interpretação como coadjuvante quando, na verdade, é indiscutivelmente protagonista.

– Nenhuma categoria é mais emblemática que a de atriz em minissérie. Com exceção das meninas de Big Little Lies (Reese Witherspoon começa muito bem, mas murcha ao longo da temporada, enquanto Nicole Kidman começa a ter seus bons momentos lá pela metade), sou fã de carteirinha das outras quatro: tanto Jessica Lange quanto Susan Sarandon são inesquecíveis ao longo de todos os episódios de Feud, Felicity Huffman novamente mostra em American Crime como é boa atriz (e o quanto deveriam dar mais atenção para ela!) e Carrie Coon é um talento notável em ascensão (concorre por Fargo, que não vi, mas, caso siga o nível de The Leftovers, já é o suficiente para merecer uma vitória).

– Se existe produção que tem todas indicações no seu devido lugar, essa é Feud: Bette and Joan. Do elenco, seis atores concorrem (o recorde na categoria de minissérie este ano). Também tem indicações a direção e roteiro para o excelente episódio que remonta o Oscar de 1963. Com The Young Pope de fora, Feud tem todo meu coração na disputa desse ano, em todas as categorias.

Confira os indicados nas categorias principais de drama, comédia e minissérie/telefilme:

MELHOR SÉRIE DRAMA
Better Call Saul
The Crown

The Handmaid’s Tale
House of Cards
Stranger Things
This is Us
Westworld

MELHOR ATRIZ EM SÉRIE DRAMA
Viola Davis (How to Get Away with Murder)
Claire Foy (The Crown)
Elisabeth Moss (The Handmaid’s Tale)
Keri Russel (The Americans)
Evan Rachel Wood (Westworld)
Robin Wright (House of Cards)

MELHOR ATOR EM SÉRIE DRAMA
Sterling K. Brown (This is Us)
Anthony Hopkins (Westworld)
Bob Odenkirk (Better Call Saul)
Matthew Rhys (The Americans)
Liev Schreiber (Ray Donovan)
Kevin Spacey (House of Cards)
Milo Ventimiglia (This is Us)

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE EM SÉRIE DRAMA
Uzo Aduba (Orange is the New Black)
Millie Bobby Brown (Stranger Things)
Ann Dowd (The Handmaid’s Tale)
Samira Wiley (The Handmaid’s Tale)
Chrissy Metz (This is Us)
Thandie Newton (Westworld)

MELHOR ATOR COADJUVANTE EM SÉRIE DRAMA
Jonathan Banks (Better Call Saul)
Michael Kelly (House of Cards)
John Lithgow (The Crown)
Mandy Patinkin (Homeland)
David Harbour (Stranger Things)
Ron Cephas Jones (This is Us)

MELHOR SÉRIE COMÉDIA
Atlanta
Black-ish
Master of None
Modern Family
Silicon Valley
Unbreakable Kimmy Schmidt
Veep

MELHOR ATRIZ EM SÉRIE COMÉDIA
Pamela Adlon (Better Things)
Jane Fonda (Grace & Frankie)
Allison Janney (Mom)
Ellie Kemper (Unbreakable Kimmy Schmidt)
Julia Louis-Dreyfus (Veep)
Tracee Ellis Ross (Black-ish)
Lily Tomlin (Grace & Frankie)

MELHOR ATOR EM SÉRIE COMÉDIA
Anthony Anderson (Black-ish)
Aziz Ansari (Master of None)
Zach Galifianakis (Baskets)
Donald Glover (Atlanta)
William H. Macy (Shameless)
Jeffrey Tambor (Transparent)

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE EM SÉRIE COMÉDIA
Leslie Jones (Saturday Night Live)
Kate McKinner (Saturday Night Live)
Vanessa Bayer (Saturday Night Live)
Kathryn Hahn (Transparent)
Judith Light (Transparent)
Anna Chlumsky (Veep)

MELHOR ATOR COADJUVANTE EM SÉRIE COMÉDIA
Louie Anderson (Baskets)
Ty Burrell (Modern Family)
Alec Baldwin (Saturday Night Live)
Tituss Burgess (Unbreakable Kimmy Schmidt)
Tony Hale (Veep)
Matt Walsh (Veep)

MELHOR MINISSÉRIE
Big Little Lies
Fargo
Feud: Bette and Joan
Genius
The Night Of

MELHOR TELEFILME
Black Mirror: “San Junipero”
Dolly Parton’s Christmas of Many Colors: Circle of Love
Sherlock: “The Lying Detective”
The Immortal Life of Henrietta Lacks
The Wizard of Lies

MELHOR ATRIZ EM MINISSÉRIE/TELEFILME
Carrie Coon (Fargo)
Felicity Huffman (American Crime)
Jessica Lange (Feud: Bette and Joan)
Nicole Kidman (Big Little Lies)
Reese Whitherspoon (Big Little Lies)
Susan Sarandon (Feud: Bette and Joan)

MELHOR ATOR EM MINISSÉRIE/TELEFILME
Riz Ahmed (The Night Of)
Benedict Cumberbatch (Sherlock: “The Lying Detective”)
Robert DeNiro (The Wizard of Lies)
Ewan McGregor (Fargo)
Geoffrey Rush (Genius)
John Turturro (The Night Of)

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE EM MINISSÉRIE/TELEFILME
Regina King (American Crime)
Shailene Woodley (Big Little Lies)
Laura Dern (Big Little Lies)
Judy Davis (Feud: Bette and Joan)
Jackie Hoffman (Feud: Bette and Joan)
Michelle Pfeiffer (The Wizard of Lies)

MELHOR ATOR COADJUVANTE EM MINISSÉRIE TELEFILME
Alexander Sarsgard (Big Little Lies)
David Thewlis (Fargo)
Alfred Molina (Feud: Bette and Joan)
Stanley Tucci (Feud: Bette and Joan)
Bill Camp (The Night Of)
Michael Kenneth Williams (The Night Of)

Um comentário em “Comentando os indicados ao Emmy 2017

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: